Pular para o conteúdo

Como Digitalizar Faturas / Contas de Energia – Guia Prático 2024

Prepare-se! Esse conteúdo é bastante extenso e aprofundado sobre o tema de como digitalizar faturas / contas de energia. Ele foi desenvolvido com o intuito de servir como um manual para pessoas que desejam, de alguma forma, solucionar desafios na hora de gerir contas de energia. Criamos um material flexível o bastante para que qualquer pessoa, com dificuldades ou habilidades na área de tecnologia, possa fazer a gestão das faturas de energia, de forma fácil. Bora lá?!

 1. Por que estamos falando de digitalizar faturas de energia?

Para iniciar o nosso guia de como digitalizar faturas de energia, vamos começar pela raiz da situação que lhe trouxe aqui. Se você já sabe como funciona a estrutura de faturas de energia no Brasil e as dificuldades geradas, pode pular para o item 2. Para os que ficam, precisamos falar sobre alguns pontos importantes, que hoje marcam o mercado nacional de emissão de faturas de energia:

  • Não existe um bendito padrão de layout de contas de energia para todo o país, então cada distribuidora de energia emite praticamente o que quer da forma que quer. “Ai, mas o tem o padrão mínimo da ANEEL, blá blá…”. Não se iluda, tem muita coisa errada nas contas de energia emitidas por aí e muita empresa que desrespeita as regras continuamente.
  • Além de não existir padrão para layout/templates, não existe padrão para a nomenclatura dos itens contidos na fatura. Tem empresa que chama multa de multa e tem empresa que usa termos mais discretos.
  • Os cálculos dentro de uma fatura também podem variar. Tem empresa que mostra o valorda fatura sem impostos e depois junta tudo, outras já trazem diretamente os valores unitários com impostos.
  • Não existem facilidades para coletar as faturas de energia com as distribuidoras. API? Esqueça! Tem que entrar no site de cada uma, usuário, senha, captcha, etc. Cada empresa tem seu próprio processo de oferecer os documentos. Só a coleta já será um desafio suficiente se você possui mais de 50 ativos para gerir.
  • Formato de dados, é só o bom e velho PDF. Meio absurdo que os dados sejam gerados em tabelas dentro das concessionárias, depois inseridos em PDFs mal desenhados e por fim o cliente precisa se virar para transformar de volta em uma tabela. É duro, mas é a nossa realidade.

Pintado esse cenário, vale indicar que diversos públicos diferentes são impactados negativamente por essas dificuldades.

Exemplos:

  • Um gestor(a) industrial ou de facilities com um único local para acompanhar a conta todo mês.
  • Consultores(as) que cuidam das contas de uma dúzia de clientes diferentes.
  • Equipes financeiras / contas a pagar de empresas que possuem 5, 10, 20 unidades e precisam coletar e pagar contas, além de fornecer informações sobre a conta para outras equipes.
  • Equipes de CSC (centro de soluções corporativas) de grandes empresas ou conglomerados que precisam pagar um montanha de contas de energia todos os meses.
  • Gestores(as) de energia responsáveis por alto volume de unidades, às vezes chegando a milhares (saneamento, administração pública), alguns casos dezenas de milhares, como telecom ou os bancos varejistas. 
  • Gestoras e Comercializadoras de Energia que precisam de dados de múltiplos locais em alta velocidade para gerar propostas comerciais.
  • A lista vai embora, muitas posições e cargos dependem desses dados de faturas. Te impressiona, falar que já vimos equipes de gestão de energia onde DOZE (repito, DOZE) pessoas ficavam apenas à cargo de coletar e digitar faturas de energia?
Nova call to action

2. Nível de profundidade que será necessário para este guia de como digitalizar faturas de energia:

Assim como nos exemplos acima, existem muitos cenários diferentes e também distintas posições no mercado que estão associadas ao nosso guia de como digitalizar faturas de energia. Algumas vão depender de uma coleta bem simples dos dados que existem ali, como valor total e multas. Já outras, precisam de muito mais informações para explorar suas oportunidades. Separamos uma lista abaixo para essa divisão do material:

  • Cadastro – Mínimo necessário para organizar e identificar as unidades.
  • Simples – Dados básicos, mais útil para unidades de Grupo B e gestão de pagamentos
  • Intermediário – Dados mais completos, mais usado por unidades do Grupo A, envolve quantidades, custos unitários, valores totais (R$) e também impostos. Esse sem dúvida é um conjunto de informações para efetuar uma Gestão de Energia mais efetiva.

Na próxima seção eu vamos detalhar cada campo que sugerimos ser capturado da fatura, junto à sua explicação e proposta de rótulo para sua planilha, para você saber como digitalizar faturas de energia. Quando possível, vou trazer alguns prints de faturas para facilitar.

Para agilizar a sua vida, durante este guia de como digitalizar fauras de energia, vou deixar um link para uma Planilha que já contém todos os campos listados e também já realiza o cálculo de checagem automaticamente. Essas imagens de tabelas,logo abaixo, são só um lembrete rápido, todos os campos já existem dentro da planilha, assim como a explicação de cada termo.

Um segredinho: essa técnica que utilizamos no nosso guia de como digitalizar faturas de energia, é o mesmo padrão que a gente, aqui na CUBi, usou nos primeiros anos de desenvolvimento da nossa plataforma. Chegamos a gerir centenas de localidades usando essa estrutura. Ela não é perfeita, exatamente por isso que construímos um produto focado no tema (apresentado no item 5), mas garanto que ela pode te ajudar a ir bastante longe em um processo de gestão de energia.

Planilha para digitalização de faturas

2.1 Dados de CADASTRO da Fatura de Energia

Campos necessários para organizar e identificar as unidades adequadamente em um processo de controle de faturas. É válido junto de ambas versões abaixo. Simples e Intermediária.

nm_unidade_consumidoraNome da unidade consumidora – A referência de nome que teremos na hora inserir na planilha. Cuidado, pois você pode conhecer as unidades por outros nomes e para isso, existe uma aba específica na planilha.
nm_interno_unidadeNome a qual você se refere à unidade. Pode ser alterado na aba UNIDADES/NOMES.
nr_cnpjCNPJ cadastrado nessa unidade consumidora (pode ser um CPF também.
nr_unidade_consumidoraNúmero da Unidade Consumidora – o código da distribuidora que será usado para identificar unicamente essa unidade.
dias_faturadosDias faturados – quantos dias existem dentro daquela medição.
mes_referenciaMês de referência – essa pode gerar dúvida pois dependendo das datas de leitura, pode significar o mesmo mês ou mês anterior. Quer uma dica de ouro? Ignore as datas de leitura num primeiro momento e não tente ficar equalizando uma coisa lançada de um mês para outro mês. Respire, toca para frente, foco total no mês de referência indicado na fatura. O bom é inimigo do ótimo. Quando se tornar um usuário avançado, daí pode cogitar em repensar isso.
distribuidoraDistribuidora – menos óbvio do que parece pois diversas concessões já mudaram de novo múltiplas vezes e o povo nem sabe mais quem é a empresa que lhes atende (Alô São Paulo com Eletropaulo).
tp_contratoGrupo A, Grupo B, Azul, Verde, etc… link de auxílio aqui.
qt_dem_contratada_fpQuantidade de demanda contratada na ponta (Deve ser preenchido em unidades HS Verdes e Azuis).
qt_dem_contratada_pQuantidade de demanda contratada na ponta (apenas para HS Azul).

2.2 Dados da versão SIMPLES da fatura de energia

Juntam-se aos dados de cadastro acima para formar o mínimo de geração de valor possível, agregando campos mais generalistas.

qt_consumida_totalQuantidade total de energia consumida (ponta + fora da ponta + reservado).
vl_outrosOutros valores que precise lançar. Esse campo pode se tornar mais de 30 outros, mas quando fazemos algo no nível manual, não faz tanto sentido aprofundar mais do que isso.
vl_total_faturaValor Total (R$) a ser pago nessa fatura

2.3 Dados da versão INTERMEDIÁRIA da fatura de energia

Agora já passamos a diferenciar alguns tipos de colunas entre:

  • qt (quantidades)
  • tf (tarifas)
  • vl (valores em R$)
vl_dem_faturada_fpValor de demanda faturada fora da ponta
qt_dem_faturada_pQuantidade de demanda faturada na ponta
tf_dem_faturada_pTarifa de demanda faturada na ponta
vl_dem_faturada_pValor de demanda faturada na ponta
qt_dem_ultrapassagemQuantidade de demanda de ultrapassagem faturada
tf_dem_ultrapassagemTarifa de demanda faturada de ultrapassagem
vl_dem_ultrapassagemValor de demanda faturada de ultrapassagem
qt_consumida_fpQuantidade de energia consumida fora da ponta
tf_consumida_fpTarifa de energia consumida fora da ponta
vl_consumida_fpValor de energia consumida fora da ponta
qt_consumida_pQuantidade de energia consumida na ponta
tf_consumida_pTarifa de energia consumida na ponta
vl_consumida_pValor de energia consumida na ponta
qt_consumida_resQuantidade de energia consumida no horário reservado
tf_consumida_resTarifa de energia consumida no horário reservado
vl_consumida_resValor de energia consumida no horário reservado
qt_dem_reativa_fpQuantidade de demanda reativa faturada fora da ponta
tf_dem_reativa_fpTarifa de demanda reativa faturada fora da ponta
vl_dem_reativa_fpValor de demanda reativa faturada fora da ponta
qt_dem_reativa_pQuantidade de demanda reativa faturada na ponta
tf_dem_reativa_pTarifa de demanda reativa faturada na ponta
vl_dem_reativa_pValor de demanda reativa faturada na ponta
qt_ener_reativa_fpQuantidade de energia reativa consumida fora da ponta
tf_ener_reativa_fpTarifa de energia reativa consumida fora da ponta
vl_ener_reativa_fpValor de energia reativa consumida fora da ponta
qt_ener_reativa_pQuantidade de energia reativa consumida na ponta
tf_ener_reativa_pTarifa de energia reativa consumida na ponta
vl_ener_reativa_pValor de energia reativa consumida na ponta
vl_band_amarelaValor total da Bandeira Amarela
vl_band_verm_IValor total da Bandeira Vermelha Patamar 1
vl_band_verm_IIValor total da Bandeira Vermelha Patamar 2
vl_outrosOutros valores que precise lançar. Esse campo pode se tornar mais de 30 outros, mas quando fazemos algo no nível manual, não faz tanto sentido aprofundar mais do que isso.
vl_icmsValor total do ICMS pago
vl_pisValor total do PIS pago
vl_cipValor total da CIP paga
vl_cofinsValor total do COFINS pago

Essa planilha já está pronta com todos campos e suas descrições. 

Nova call to action

Agora vamos pro jogo de realmente extrair dados.

3. Opção 1 – Como digitalizar faturas de energia e a extração de dados de contas de energia de forma manual?

Para quem funciona:

Eu diria que, para gestores que precisam gerir até 10/15 unidades consumidoras, essa estratégia funciona bem. É possível escalar? SIM! Eu diria que até 40/50 unidades, é possível manter dentro desse processo, mas fazer ele todos os meses é uma confusão. Para esse volume, pode separar até 2 dias inteiros do seu mês, se estiver trabalhando com a versão intermediária acima.

Para quem já é mais difícil funcionar:

A partir de 50 unidades para gerir, é difícil manter essa rotina todo santo mês. Vem na minha, eu já fui essa pessoa responsável pela digitação. Cada mês que passa você acaba gastando mais tempo que o anterior por pura angústia de fazer um processo tão manual, ainda mais sabendo que existem ferramentas que automatizariam o processo com um baixo custo.

O que é necessário:

  • Credenciais de acesso dos portais para coletar faturas
  • Entrar nos portais para coletar faturas ou receber por email as Faturas de Energia em PDF.
  • Abrir PDF por PDF, copiar cada informação (CTRL C + CTRL V) seguindo o padrão indicado e colar na planilha
  • Realizar uma checagem para verificar se as informações batem com as faturas
  • Aplicar fórmulas e modelos no excel para tentar encontrar oportunidades de economia nas faturas.

Custo:

  • O tempo que irá dedicar para coletar PDFs nos sites das distribuidoras (cronometre algumas vezes depois de pegar o jeito e terá boa noção da sua marca pessoal para realizar isso).
  • O tempo que irá dedicar para digitar ou copiar cada elemento de cada conta  (cronometre algumas vezes depois de pegar o jeito e terá boa noção da sua marca pessoal para realizar isso).
  • O tempo que irá dedicar para realizar uma análise de oportunidades dentre as suas unidades consumidoras.

4. Opção 2 – Como executar a extração de dados de contas de energia usando software de automação de PDFs de mercado

Existem diversas soluções de serviços focados em extração de dados ou OCR no Google, para te ajudar neste guia que te mostra como digitalizar faturas de energia. Uma pesquisa rápida vai lhe render uma lista facilmente. Alguns são usados diretamente online, outros precisam ser baixados e todos têm seus próprios modelos de precificação. Alguns exemplos do que você pode encontrar são a Wondershare, Altair e o CaptureFast. Aqui nesse guia, vamos usar a CaptureFast pois é online e permite uma extração gratuita de até 100 páginas por mês. Atenção, a plataforma está em inglês.

4.1 Criando uma conta

  • Basta acessar: https://capturefast.com/
  • Clicar no botão PRODUCT na barra superior.
  • Rolar a página até o final e clicar no botão GET STARTED WITH OUR FOREVER FREE PLAN.
  • Preencha os dados de cadastro e crie sua conta.

Ao entrar em seu dashboard, poderá ver o volume de créditos ainda disponível no mês na parte da direita. No caso do meu exemplo, ainda tenho 100 créditos.

Como Digitalizar Faturas / Contas de Energia - Guia Prático 2023

4.2 Preparando um template

A forma de trabalho, deste guia que te mostra como digitalizar faturas de energia, é a seguinte: Criamos um template (documento base) indicando onde está e como buscar cada informação no PDF (1 para cada modelo de fatura) e depois subimos as as faturas de energia dentro da automação de cada template.

Para criar um Template, vamos em “Document Types” e em seguida em “Start from Scratch”

A plataforma vai pedir um arquivo de base para criarmos. Coloque o PDF do template que deseja criar (no caso das imagens, escolhi a CELESC) com o maior número de linhas/ lançamentos possíveis nas faturas, dessa forma você já adiciona no template todos os itens do seu interesse. Caso contrário, por exemplo, você deseja mapear o campo chamado Bandeira Amarela, mas o PDF que escolheu de base não houve cobrança de bandeira amarela. Você terá que criar o campo sem poder enxergar o resultado sugerido, fica bem mais difícil.

Aqui no meu exemplo, farei uma de Grupo B. As faturas de Grupo A darão muito mais trabalho e alguns desafios devem surgir.

Depois de subir o documento, essa tela irá surgir

Na parte superior você pode nomear o template como preferir. Eu vou chamar de Template CELESC – Grupo B. 

Na parte inferior, conseguimos ver que foram identificadas duas páginas (que meu documento inserido possui). Mas como estou fazendo algo simples e só desejo ter dados que estão na página 1, vou colocar o mouse sobre a página 2 e clicar no X para excluir.

Existe um checkbox que controla a verificação ou não durante o processo. Eu prefiro deixar ligado, pois qualquer desvio que vá ocorrer (e alguns problemas irão surgir) eu já fico ciente e faço a correção. Minha tela ficou assim então e clico no botão “next”.

Como Digitalizar Faturas / Contas de Energia - Guia Prático 2023

4.3 Mapeando campos da fatura em um Template

Agora o desafio começa: anotar cada campo que deve ser extraído e para qual campo será mapeado.

Existem 3 formas de realizar o mapeamento; clicando no rótulo do campo, clicando no valor resultado do campo, arrastando o mouse e selecionando o rótulo junto do campo de valor.

A parte mais importante é como configurar o menu lateral direito quando criamos um novo campo. Vão aparecer as seguintes opções:

Como Digitalizar Faturas / Contas de Energia - Guia Prático 2023
Como Digitalizar Faturas / Contas de Energia - Guia Prático 2023

Os significados:

  • Name the Field = Nome do campo que deseja mapear. Siga o padrão que foi apresentado no item 2 deste artigo.
  • Answer = um valor que o próprio software produz para indicar a resposta da extração que está criando. É nesse campo que deve ficar de olho para conferir se a seleção feita está correta.
  • Select the type of answer in the field = Tipo de campo que será mapeado. Os que podem ser usados para esse processo e já existem por padrão: Texto, Número, Data, QR/Código de Barras. 
  • Does the answer have a label? (Yes/No) = Indicar se existe um rótulo escrito para indicar uma determinada informação. Exemplo: Se temos escrito “Vencimento DD/MM/AAAA”, o rótulo é o termo vencimento, seguido da data para aquele rótulo. Um exemplo sem rótulo seria apenas uma data, e você leitor teria de interpretar/assumir que aquilo é a data de vencimento.
  • Type all possible labels = Você pode ajudar a inteligência digitando os rótulos que podem aparecer ali. 
  • Where is the answer located? = Onde fica localizada a resposta em relação ao rótulo? Ao lado direito (Right-side of the label) ou abaixo dele (below de label).
  • Existem opções mais avançadas que não irei cobrir aqui.

Como exemplo prático, vou mapear o Valor Total, segue um print da fatura que estou usando (retirei dados sensíveis, por isso o borrão em alguns casos). 

Como Digitalizar Faturas / Contas de Energia - Guia Prático 2023

Logo de cara você vai notar o quão difícil esse processo pode ser, pois existem várias formas do software entender o que você deseja. Nesse caso, vou direto com o mouse dentro da ferramenta e faço a seleção do quadrado de valor como um todo, igual imagem.

Como Digitalizar Faturas / Contas de Energia - Guia Prático 2023

A própria ferramenta já sugere um campo de TEXTO e a resposta extraída seria “R$ 6.614,32”. O que parece tudo bem no primeiro momento, mas como esse é um campo de valor que provavelmente será trabalhado no excel, o melhor é alterar o tipo para número e tentar garantir que todos os campos dos tipos 2.2 e 2.3 sejam extraídos como números. 

Formato NÃO indicado

Como Digitalizar Faturas / Contas de Energia - Guia Prático 2023

Formato INDICADO

Como Digitalizar Faturas / Contas de Energia - Guia Prático 2023

Depois que você malhar o documento inteiro, incluir todos os campos que deseja e seus rótulos que serão levados para a planilha. Role a tela até o final e clique em “Finish Document Type”.

4.4 Configurando o destino dos dados extraídos

Essa etapa fica a gosto e preferência de cada um. Tem opção desde a mais simples, de enviar por e-mail, salvar em Google Drive até coisas mais complexas, como conectar com um webservice diretamente ou jogar para o Zapier.

Eu gosto da opção do Google Drive. Para isso, basta seguir as instruções de conectar com a conta do drive que deseja e em seguida configurar onde o dado deve ser salvo

Para as configurações da parte inferior, faço o seguinte:

Como Digitalizar Faturas / Contas de Energia - Guia Prático 2023

Na opção 1 estou indicando que não desejo salvar uma cópia da imagem processada. Na opção inferior, faço a escolha de exportar os dados em formato de Excel (.XLSX) e também que desejo que linhas sejam adicionadas em um único arquivo. Dessa forma, quando eu processar novas faturas no mês seguinte, não serão gerados novos arquivos.

4.5 Acessos e Gestão do Template

Para fechar esse baita trabalho, acompanhando o guia de como digitalizar faturas de energia, é hora de indicar, caso deseje, pessoas diferentes participando do processo. É possível selecionar pessoas que podem rodar o template e capturar dados, como também pessoas que precisam APROVAR os dados extraídos. Parece uma boa ideia, mas vamos ser sinceros, se você está lendo até aqui é porque será o usuário principal no uso da ferramenta. Diversos campos vão dar pequenos problemas todos os meses e você sempre terá de fazer validações externas, correções, adições de última hora. É bem improvável que envolver outras pessoas nesse processo (mesmo que semi automatizado) vá facilitar que tudo aconteça com facilidade. Aqui sugiro não adicionar ninguém e clicar em FINALIZAR.

4.6 Processar documentos com seus templates criados

Depois de finalizar o seu Template, basta ir na barra superior e selecionar UPLOAD.

Na tela que se abre, basta selecionar o template que deseja usar e depois arrastar as faturas que devem ser processadas no campo inferior.

Como Digitalizar Faturas / Contas de Energia - Guia Prático 2023

Depois de clicar em ENVIAR, a tela irá mudar para uma grande tabela que indica o status do seu processamento.

Assim que o indicado mudar para “Verify Pending”. Basta ir com o mouse no lado direito e selecionar a caixinha verde, assim como na imagem:

Outra tela será aberta com todos os campos que foram capturados, quais deram errado e quais precisam de atenção.

Exemplos de campos que deram certo. Todos subscritos em verde e com formatos que eu selecionei anteriormente.

Caso algo esteja errado, o sinal será o subscrito vermelho, assim:

Ao terminar os ajustes, clique em FINISH. Isso fará com que o gatilho definido no item 4.4 e os dados sejam disparados. E Pronto! Agora você tem um template para extrair dados todos os meses. Mas atenção que este é só o primeiro passo, você provavelmente terá de dar manutenção contínua, praticamente todos os meses. Tanto pelas mudanças das distribuidoras como para corrigir pequenos erros que só serão notados em um uso real no dia a dia. Você pode voltar neste guia de como digitalizar faturas de energia, a qualquer momento que precisar.

5. Como digitalizar faturas de energia e executar a extração de dados de faturas de energia usando um software específico para isso – Módulo de Faturas da CUBi Energia

Se você leu este guia de como digitalizar faturas de energia, até aqui, espero que tenha notado que já vivemos todos os diferentes níveis descritos e que gestão de faturas é algo que faz parte do nosso dia a dia desde 2016/2017. Começamos fazendo tudo na mão, passamos a automatizar usando softwares de prateleira de mercado (assim como o Capture fast acima) e só então nos preparamos para mergulhar e desenvolver um produto completo no tema. 

Quando montamos o produto tentamos sanar todas as dificuldades que vivenciamos como usuários de outras soluções, então em nosso módulo de faturas o jogo é:

  • Usuário cadastra a unidade consumidora que deseja acompanhar. Isso pode ser feito ao arrastar uma única fatura de energia daquela unidade consumidora para nosso produto, o CUBi KiP que cria automaticamente o cadastro.
  • Nesse cadastro, o usuário consegue marcar se deseja que a fatura seja coletada automaticamente no portal da distribuidora todos os meses e inclusive se o usuário deseja já coletar um histórico daquele local (possuir histórico vai permitir análises de oportunidades desde o dia 1 do projeto).
  • A partir daí, a CUBi coleta as faturas automaticamente, faz o seu processamento, a equalização e já disponibiliza em Dashboards focados em Gestão de Faturas de Energia. Note que usei o termo FOCADOS. Não é um dashboard geral para qualquer tipo de dado igual uma ferramenta de prateleira genérica. É para energia, feito por quem trabalha com energia e conhece de energia.
  • Uma distribuidora mudou o template? Mudou o nome do campo? Acontece todo santo dia e é papel da nossa equipe realocar informações e remapear campos. Não há nenhum custo extra para o usuário que na maioria das vezes nem nota que aconteceu.
  • Nos dashboards, as informações chave já são indicadas de maneira simples. Qual unidade ou grupo de unidades tem maior consumo? Ou qual delas paga mais caro por uma kWh ou MWh? Qual unidade tem a maior quantidade de multas acumulada? Qual tipo de multa? E por aí vai. Tudo já é entregue de forma organizada.
  • Todos os dados podem ser exportados diretamente do próprio Dashboard, em excel e num formato muito semelhante ao que apresentei nos itens acima, mas ainda mais completo, pois a ferramenta coleta 100% das informações dos PDFs.
  • E pra finalizar, a cereja do bolo, como já temos conhecimento das oportunidades existentes nas faturas, o próprio CUBi KiP aplica algoritmos de otimização e já oferece ao usuário quais oportunidades existem, onde estão e qual o tamanho do potencial ganho financeiro disponível.
  • Quando juntamos todos esses pontos acima, conseguimos transferir a atenção e tempo de um gestor que era gasto em coletar e digitar faturas (que gera praticamente zero resultado) em tempo de qualidade de análise, de gestão efetiva sobre suas faturas.
Nova call to action

Para quem funciona:

A partir de 20 unidades consumidoras já vale a pena trabalhar com nosso sistema. Não existe limite superior, quanto mais unidades, mas difícil é a gestão sem uma ferramenta adequada. Não é uma obrigação, mas empresas com uma equipe dedicada à gestão de energia e que realmente usam a ferramenta diariamente tem resultados muito maiores.

Para quem já é mais difícil funcionar

Gestores(as) que buscam uma ferramenta mágica que irá magicamente reduzir contas de energia sem que nenhum esforço seja feito. Essa busca não é incomum no nosso mercado, mas nem a CUBi e nem qualquer outra empresa consegue fazer isso num passe de mágica.

O que é necessário:

  • Credenciais de acesso dos portais para coletar faturas.
  • Contrato de serviços com a CUBi.

Custo

Investimento dedicado à plataforma da CUBi que será (podemos fazer as contas juntos) menor do que o custo de pessoas que hoje se dedicam a resolver isso na mão internamente.

6. Materiais de Apoio

Estão aí 3 maneiras reais de resolver seus desafios com Gestão de Faturas de Energia. Vale lembrar que existem muitas outras maneiras de como digitalizar faturas de energia, especialmente para pessoas mais versadas com programação.

Existem outros materiais que podem te ajudar a como digitalizar faturas de energia, exemplo:

Esse conteúdo mais amplo sobre gestão de faturas e oportunidades de economia que existem dentro delas:

Boa sorte por aí e caso queira conhecer o CUBi KiP ,capaz de automatizar seus processos de coleta, tratamento e exploração de oportunidades em faturas, pode nos chamar por WhatsApp ou através do chat ao lado.

Nova call to action

Rafael Turella

Engenheiro ambiental pela UNESP e mestre em Sistemas Sustentáveis com ênfase em Energia pelo Rochester Institute of Technology. É co-fundador da CUBi e atualmente responsável pela área de marketing e vendas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *